Através dos implantes dentários podemos repor as raízes dentárias perdidas de forma segura e desse modo poder restabelecer a estética e mastigação. Através dos implantes podemos eliminar as próteses removíveis,  o incomodo de deslocamentos da prótese e o medo de mastigar algo mais duro. Este tipo de reabilitação pode ser para apenas 1 dente, múltiplos dentes ou uma reabilitação total , ou seja todos os dentes, inferiores e/ou superiores.

Além disso através do implantes podemos evitar o desgaste de dentes saudáveis para a instalação de pontes fixas.

Em alguns pacientes com perdas dentárias ha mais tempo e que tiveram grande perda de volume ósseo(atrofia óssea), pode-se fazer necessário realizar algum tipo de enxerto ósseo e/ou gengival(levantamento de seio, etc), isso só será possível avaliar após avaliar exames complementares de imagem.

Pela segurança que o tratamento com implantes nos confere, podemos dizer que ele nos possibilitam  a 3° dentição.

Para os pacientes que já perderam 1 ou mais dentes, será necessário uma reabilitação através de algum tipo próteses, sejam elas: Sobre implantes, Fixas (Coroas, Pontes fixas, Facetas ou lentes de contato) ou Removíveis (próteses a grampo e Totais)

A prótese é um procedimento extremamente personalizado e delicado, sendo necessário ser precisa de forma milimétrica para cada caso. Por isso em nossa clinica trabalhamos com os materiais de moldagem mais precisos e das melhores marcas, além disso trabalhamos apenas com os melhores laboratórios, utilizando equipamentos de ultima geração como a fresagem por computador, CAD-CAM.

Para os pacientes que não tem nenhum dente faltando mas que querem melhorar a estética, através do formato e cor, podemos sugerir o tratamento através de laminados cerâmicos, ou seja as  facetas e lentes de contato dentárias, que é um tratamento minimamente invasivo e com muito pouco desgaste dentário, que pode melhorar bastante a estética.

A periodontia é o ramo da odontologia que trata da gengiva e do osso que dá suporte aos dentes. Quando a gengiva/osso está doente, geralmente temos sangramento, inchaço, vermelhidão, abscesso e mobilidade dentária. Muitas vezes o paciente se queixa que seus dentes estão crescendo e se afastando.

As doenças periodontais mais comuns são a GENGIVITE e a PERIODONTITE

O tratamento consiste de sessões de raspagem através do ultrassom e de curetas e de tratamento cirúrgico.

O periodontista também trata das retrações/recessões gengivais que é quando começa a ocorrer um afastamento da gengiva do dente, dando a aparência de um dente maior. Nesse caso pode-se realizar cirurgia de enxerto gengival para recobrir as raízes expostas

Realiza ainda cirurgia plástica gengival para corrigir assimetrias no sorriso, no caso quando o paciente expõe muito a gengiva ao sorrir e apresenta dentes pequenos  ou ainda quando o paciente tem uma hiperplasia gengival (crescimento da gengiva) e a gengiva está cobrindo os dentes, principalmente quanto usa aparelho por muito tempo.

Mesmo o paciente que não tenha nenhuma doença periodontal é interessante que visite o periodontista 2x ao ano afim de evitar problemas

Exodontias(extrações)/remoção dos terceiros molares ou dentes sisos, que quando inclusos ou semi-inclusos podem trazer prejuízos aos pacientes, como inflamação, dor e infecção, além de outras situações.

Biópsias em boca afim de se estabelecer resultado  histo patológico e determinar que tipo de alteração dos tecidos o paciente apresenta e indicar o melhor tratamento

O paciente muitas vezes pergunta o que é o tratamento de canal. Dentro do dente temos o que chamamos de polpa dentária, que é um conjunto de nervos e vasos sanguíneos, quando temos uma cárie profunda ou outra situação que lesione a polpa dentária de forma irreversível é necessário fazer o tratamento de canal afim de remove-la e evitar a dor e a perda de um dente.

Muitos pacientes aindam sentem muito receio do tratamento de canal, mas não há nenhum motivo para isso. Em nossa clinica utilizamos a técnica rotatória que é a técnica mais moderna, realizada através de instrumentos computadorizados e localizadores apicais que determinam precisamente onde o endodontista deve agir. Sendo possível muitas vezes concluir o canal em uma única sessão, dispensando aquelas várias e várias sessões que eram necessárias no passado.

A ortodontia visa corrigir as más posições dentárias através dos aparelhos dentários.

Muitos pacientes pensam que ela contribui apenas para a estética, mas ela vai muito além disso. A importância do tratamento ortodôntico está relacionado a saúde também, uma vez que vai corrigir a oclusão ou seja como o paciente morde, evitando assim sobrecargas nos dentes o que pode muitas vezes levar a dores de cabeça, desgastes dentários , entre outras situações.

A ortodontia se faz necessária também em casos de reabilitação oral , quando o paciente já perdeu alguns dentes e por conta dos espaços criados , os dentes migraram para posições erradas o que impossibilita uma reabilitação adequada devido os espaços inadequados. Sendo neste caso muito comum adultos passarem pelo ortodontista antes do tratamento protético.

Para os paciente que se preocupam com a estética, é possível usar aparelhos muito mais discretos, que são os aparelhos de cerâmica ou Safira. O ortodontista irá selecionar o mais indicado para cada caso.

Através dos procedimentos de restaurações tratamos das cáries, que é uma doença causada por uma bactéria, o que leva a desmineralização do dente e se não tratada a perda dentária.

Hoje em dia além do amalgama, a famosa estrelinha, dispomos das resinas compostas cada vez mais semelhantes ao dente natural , tanto em cor quanto em acabamento, podendo resolver de forma bastante estética.

Um dos procedimentos mais procurados em nossa clínica. Seguro e eficaz, o paciente poderá clarear e mudar o seu sorriso de forma simples.

O clareamento dentário poderá ser feito através de 2 técnicas, pelo o uso de moldeiras em casa ou através do clareamento a laser no consultório, onde são utilizados produtos mais potentes. Muitas vezes para um resultado melhor , indicamos as 2 técnicas associadas.

É muito importante o paciente passar pela avaliação do dentista  antes de realizar o clareamento, porque em determinadas situações que o paciente possa apresentar, ele pode estar contra indicado ou exija cuidados especiais para este paciente.